Núcleo da CBDH é furtado em Taboquinhas, e população teme novos roubos.

0

25152330_1967800673230885_5372161385945755357_n

O núcleo da CBDH (Confederação Brasileira de Direitos Humanos), foi alvo da criminalidade que volta a fazer baderna no distrito. Na madrugada desta segunda-feira (18/12), o/os meliante(s) arrombaram a porta e furtaram uma Tv de 43 polegadas da marca OAC, e uma impressora da marca Canon. Tudo só pôde ser perceptível quando uma das colaboradoras da confederação compareceu para fazer a limpeza diária do local, de imediato, a mesma procurou outros ativistas para tomar as medidas cabíveis.

A vice-presidente da CBDH, Dr. Janete Vieira, encontra-se na capital do estado participando de audiências, por isso foi informada por telefone e já está tomando as providências sobre o ocorrido. Em conversa via rede social com nossa equipe, a mesma relatou sua preocupação com a segurança, e que nas reuniões municipais do Conselho de Segurança de Itacaré, vem sempre relatando a falta de guarda municipal e segurança dos moradores de Itacaré e Taboquinhas, além de está estarrecida com a falta de respeito de quem invadiu o espaço e furtou. Finalizando, completou: ” A CBDH deve ser acolhida e respeitada, estamos exclusivamente implantados neste município pelo bem desta sociedade”.

Outros arrombamentos e furtos também aconteceram na madrugada desta segunda-feira. A Banca Paratodos, segundo funcionários, teve um prejuízo de 2mil reais, e a Escola Padre Edgar foi alvo de arrumbamento e vandalismo, mas nada foi roubado. A população Taboquinhense passa por um momento de insegurança, e se perguntam até quando o vandalismo vai tomar conta, e quando o poder público vai tomar as providências?

Campartilhe.

Deixe Um Comentário

Facebook login by WP-FB-AutoConnect